61 3429 2900   |   cettro@cettro.com.br
 
 

03/09/2018

Setembro Dourado

 
 
Embora raro, o câncer infanto-juvenil tem merecido especial atenção por parte da medicina. Isso porque é bastante diferente dos tumores que acometem adultos. Nos pacientes com até 18 anos, a doença apresenta início e disseminação mais rápidos. Paradoxalmente, é mais sensível à quimioterapia, o que permite o alcance de taxas significativas de cura.  

Os resultados positivos observados atualmente devem-se à trajetória empreendida pelos oncologistas pediátricos ao longo dos anos. Entre as décadas de 1960 e 1990, após o surgimento de novos agentes químicos, várias instituições reuniram-se em grupos cooperativos de estudo. Naquele período, foram estabelecidos modelos de combinações de quimioterápicos, com definição do momento adequado para administração das medicações, bem como suas doses e intensidades. Além disso, foram definidas condutas para tratamento dos efeitos indesejáveis. Isso deu origem à padronização no tratamento da doença no mundo.  

Outro aspecto relevante para o alcance de taxas de cura é o atendimento em centros especializados, formados por equipes multidisciplinares. O manejo dos pacientes pediátricos é muito específico, em especial no que diz respeito às complicações da quimioterapia. Nos serviços especializados, os profissionais são capacitados não só no aspecto técnico-assistencial, mas também no relacionamento com as famílias: Humanização é palavra de ordem. Sabemos que o sucesso do tratamento envolve o desenvolvimento de elos de confiança mútua, além da colaboração e do envolvimento dos familiares nos cuidados hospitalares e domiciliares.  

O câncer infantil não pode ser prevenido, visto que não há qualquer evidência entre seu desenvolvimento e fatores ambientais. Por essa razão o diagnóstico deve ser precoce e preciso. A boa notícia é que a ciência está atenta, com especial foco nos casos que resistem ao tratamento. Graças à genética e à biologia molecular, avançamos na personalização do tratamento, com melhores resultados e menos sequelas.

CONFIRA OS PRINCIPAIS SINTOMAS

- Dores de cabeça pela manhã e vômito
- Caroços no pescoço, nas axilas e na virilha
- Dores nas pernas que não passam 
- Manchas arroxeadas na pele
- Aumento de tamanho de barriga
- Brilho branco no olho em fotografia com flash



Em Dia

Domingo Rosa

Cettro participa do "Energia Rosa". Leia mais

Feed de Notícias

 

Unidades

Asa Sul

Asa Norte

Taguatinga

Ceilândia

Cettro Petit

COHD

CIN

Certificação

   61 3429 2900

   Envie um E-mail

   Marque sua Consulta

 

Powered by Carla Furtado Comunicação
Copyright © 2015